Buscar

Atualizado: há 2 dias



Em 31 de julho comemora-se o Dia do Orgasmo, aquela data que vai te estimular ainda mais a se jogar no prazer. E em homenagem a isso, que tal falarmos sobre algumas curiosidades sobre o orgasmo feminino?


6 tipos de orgasmo

A mulher possui diferentes zonas sensíveis sendo capaz de viver o orgasmo de várias formas diferentes. Os tipos variam de mulher para mulher, dependendo da intensidade e duração do estímulo e podem ser: clitoriano, vaginal, ponto G, ponto U (uretra), anal e mamário. É muito importante que os casais conversem sobre isso e descubram várias formas de dar e receber prazer a partir do conhecimento do corpo de cada um.


Os benefícios do salto alto

Você sabia que usar saltos de 4 a 5 cm pode te ajudar a chegar lá mais rápido? Pois é. Esse hábito, além de super sensual, ajuda a fortalecer os músculos da região pélvica, intensificando as contrações para o orgasmo. Que dica de ouro, hein, meninas?


244 milivolts

Segundo o Guia dos Curiosos – Sexo, o orgasmo de 5 mulheres seria o suficiente para acender uma lâmpada devido à descarga de energia das paredes vaginais. A sensação é realmente eletrizante, não é mesmo?


Exercício Pélvico e o prazer

O simples fato da mulher fazer exercícios íntimos diariamente, contraindo e relaxando os músculos da vagina, já é suficiente para facilitar o caminho para o orgasmo – ou melhorar ainda mais a vida sexual, intensificando o prazer. Qualquer mulher pode fazer esses exercícios de forma discreta deitada ou sentada, até mesmo ao dirigir. O ideal é manter a contração (sentida em forma de puxão para dentro) por dois segundos por 8 a 10 vezes com espaço de descanso de 8 segundos cada. Na última contração, tentar segurar por 10 segundos.


Mulher ejacula sim

10% das mulheres liberam um líquido intenso durante ou depois de um ato sexual extremamente prazeroso, o chamado squirting. Segundo especialistas, este líquido é liberado após orgasmos vindos da uretra, principalmente do ponto G.


Tchau dor de cabeça

Durante um orgasmo, o corpo libera endorfina, hormônio responsável pela sensação de prazer. Na mulher, ainda ocorre a liberação da ocitocina, chamada de hormônio do amor e que promove a contração do útero. Esse fenômeno comprovadamente ajuda a aliviar as dores de cabeça, as cólicas menstruais, melhora o sono e alivia o estresse, dentre vários outros benefícios. Portanto, se jogue nesse ato delicioso e sinta todos os benefícios no corpo e na mente.

Que tal dar uma passadinha no Coliseum e comemorar esse dia tão especial?

Chame a gente no whatsapp e reserve sua suíte!

162 visualizaçõesEscreva um comentário
  • ColiseumBlog

A gente sabe que nenhum lugar de Ribeirão Preto substitui o Coliseum quando o assunto é romance e prazer. Mas também sabemos que em meio a pandemia e a necessidade de isolamento social, seu relacionamento não pode amornar por não conseguir vir até a gente. Então, preparamos algumas dicas para você viver experiências deliciosas com seu mozão dentro de casa.



Dedique-se a ter muito prazer também em sua casa


1) Namoro não é só na cama

Se você está habituado a momentos a dois somente na cama do casal, que tal inovar? Surpreenda o parceiro ou a parceira no banho, dê aquela pegada no mozão enquanto ele cozinha, experimente outros cômodos, outros móveis e permita-se sentir prazer com outras possibilidades.

2) Experimente novas posições

Saia do comum e surpreenda. Você pode até não ter nossa cadeira erótica mas que tal transformar sua cadeira giratória em um objeto de prazer? O homem deve se sentar com as pernas abertas e dobradas para o alto enquanto a parceira (ou parceiro) se acomoda em pé por cima com apoio dos braços em uma mesa. A pessoa que está em pé não se mexe e todo o movimento é feito por quem está sentado, promovendo um prazer intenso em ambos.

Essa posição é chamada de “Fusão Corporativa” segundo o livro de Emma e Lorelei e é ótima para penetração anal – mas também é extremamente prazerosa para penetração vaginal. Duas mulheres também podem se divertir muito ao utilizarem uma cinta com pênis para penetração.

3) Uns bons drinks para relaxar

Tire momentos a dois e comece a sensualizar já na bebida. Neste post, damos várias dicas de drinks sensuais e afrodisíacos para momentos intensos – que te ajudam inclusive a relaxar e a viver intensamente o prazer.

4) Provoque

A rotina do home office está cansativa? Filhos, trabalho, afazeres domésticos? Incertezas mil? A gente entende. Mas que tal proporcionar momentos leves com trocas de mensagens picantes durante o dia? Surpreenda com uma foto caliente no whatsapp ou uma mensagem inesperada no espelho do banheiro. Bilhetinhos espalhados pela casa são super românticos e preparam o clima para que mais tarde, vocês estejam cheios de tesão.

5) Esquente com séries picantes

Programinhas românticos como uma boa série e uma pizza deliciosa podem acabar em uma pegada mais quente ao final. Algumas dicas de séries calientes no Netflix são: Outlander, Gipsy, Eu, tu e Ela, The Client List, Sex Education, Spartacus, Wanderlust.

O Coliseum vai continuar sendo o cenário perfeito para seus melhores momentos mas desejamos que você tenha curtido cada dica e se dedique a ter muito prazer e sensualidade também em sua casa.


Acompanhe nossas redes sociais ou entre em contato conosco via whatsapp para saber sobre a data de nosso retorno às atividades. (16) 99634-7386.





#isolamentosocial #romance #quarentena #motel #prazer #ribeirãopreto #casamento #sériespicantes #netflix #séries #picantes #isolamento #pandemia #corona #coliseum #drinks #afrosisíaco

1,803 visualizaçõesEscreva um comentário
  • ColiseumBlog

A chegada da pandemia do coronavírus no Brasil fez com que as pessoas se deparassem com um misto de diversos sentimentos e sensações: medo, solidariedade, incertezas e insegurança por nós, por nossa família, nosso emprego, nossos negócios. Mas, também vem nos mostrando a prioridade do amor e da necessidade da união em nossas vidas.


Agora, mais do que nunca, é momento de reflexão, é tempo de amar incondicionalmente, de perdoar, de viver intensamente e não perder a chance de dizer: “eu te amo!”. Segundo Nicole Xisto, educadora parental e mediadora de Comunicação Não-Violenta, se expressar a quem se gosta tem valor de espaço, aceitação e presença.


“As pessoas estão mais do nunca aprendendo a olhar para dentro e, nesse movimento, a enxergar o outro. Acredito muito que a autocura nasce desse lugar. O amor não surge apenas em cenários positivos. O amor se constrói. O tempo agora é sobre isso”, afirma.


Da mesma forma que a especialista recomenda falarmos de amor com quem amamos, outras sensações também devem ser validadas neste momento, como o medo. “Validar a nossa vulnerabilidade é o caminho para as relações saudáveis. Assim, liberamos o outro da dívida, a famosa expectativa que o parceiro ocupe um lugar de responsabilidade que apenas é meu”, enfatiza.


E em tempos de confinamento e convivência extrema, o caldeirão da vida a dois deve conter itens como equilíbrio, tolerância, respeito e empatia. Segundo Nicole, o diálogo é a chave para se conviver bem. “Só saímos das brigas e conversas vazias quando nossos pedidos são coerentes e conectados àquilo que carregamos por trás do que sentimentos. Outro ponto é conhecer a sua linguagem de amor e a do parceiro pois ninguém ama igual e para abastecer esses ‘tanques’, temos a possibilidade de amar certo para amar melhor. E, por último e não menos importante, saber lidar com o temperamento. Ele conta muito!”.


Em breve, nossas vidas voltarão à normalidade e nossa liberdade de ir e vir estará de volta. Beijos e abraços poderão ser dados sem medo e cada um de nós levará consigo todo aprendizado de dias destinados a exercitar o afeto por quem nos é realmente importante.


E o Coliseum quer ser sempre o cenário de romantismo para os casais que passaram juntos por cada momento deste grande desafio para a humanidade. Acompanhe nossas redes sociais ou entre em contato conosco via whatsapp para saber sobre a data de nosso retorno às atividades. (16) 99634-7386



#coronavirus #amor #pandemia #motel #solidariedade #casal #covid-19

575 visualizaçõesEscreva um comentário